Finding Neverland
  

Sentir, ser, tocar, ver, beijar, calar, sorrir, chorar, ter, saber, sonhar.... quantos verbos seriam necessários para expressar um sentimento? Com certeza, todos. Não há sentido mais profundo dessa palavra que possa ser entendido, senão pelo órgão que nos fazer sentir. Talvez todas as palavras ditas se encaixam nessa tão pequena e envolvente. Talvez todos os significados sejam traduzidos lá. Talvez o seu próprio entendimento sejam todas palavras e todos os seus significados. Talvez ela não tenha significado algum. Enfim, em quem quer que seja, em qualquer situação, em cada sentimento, lá está ele.

Dizem que tudo na nossa vida tem um propósito, um porquê...Será?

Se for pra te deixar te deixo dentro de mim, se for pra te esquecer, esqueço só pra lembrar de vc mais um vez...

Fabiano obrigada por aparecer na minha vida!!!



Escrito por Lu *._.* às 10h36
[] [envie esta mensagem] []


 
  

"Carpe diem quam minimum credula postero
Tu ne quaesieris, scire nefas, quem mihi, quem tibi
finem di dederint, Leuconoe, nec Babylonios
temptaris numeros. ut melius, quidquid erit, pati.
seu pluris hiemes seu tribuit Iuppiter ultimam,
quae nunc oppositis debilitat pumicibus mare
Tyrrhenum: sapias, vina liques et spatio brevi
spem longam reseces. dum loquimur, fugerit invida
aetas: carpe diem quam minimum credula postero.

Odes (I, 11.8) do poeta romano Horácio (65 - 8 AC).

Colha o dia, confia o mínimo no amanhã
Não pergunte, saber é proibido, o fim que os deuses
darão a mim ou a você, Leuconoe, com os adivinhos da Babilônia
não brinque. É melhor apenas lidar com o que cruza o seu caminho
Se muitos invernos Jupiter te dará ou se este é o último,
que agora bate nas rochas da praia com as ondas do mar
Tirreno: seja sábio, beba seu vinho e para o curto prazo
reescale suas esperanças. Mesmo enquanto falamos, o tempo ciumento está fugindo de nós.

Colha o dia, confia o mínimo no amanhã.



Essa é pra trazer sorte pra todos nós.

 





Escrito por Lu *._.* às 10h16
[] [envie esta mensagem] []


 
  

Faltam palavras para descrever o vazio deixado pela falta do Tio Giovanni, não é fácil despedir-se. Ao mesmo tempo penso que poderia ter sido pior se eu já estivesse na Austrália e não pudesse estar aqui no Brasil para despedir-me dele, para ficar com a minha Tia, e meus primos. Nossa família é muito pequena, mas ao mesmo tempo muito unida, não seríamos assim se a família fosse grande. Iremos pra sempre lembrar dele, de seu jeito irônico, engraçado, dele cantando em italiano, de seu temperamento forte e ao mesmo tempo da sua doçura e grandeza como pessoa. Para sempre será lembrado, amo vc Gigio.

 

 

 



Escrito por Lu *._.* às 03h05
[] [envie esta mensagem] []


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 

HISTÓRICO



OUTROS SITES
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 Blog do Eduardo
 Blog da Luana


VOTAÇÃO
 Dê uma nota para meu blog!